Sexta-feira, 04 de Julho de 2008

Fernando Sousa Caeiros cessou ontem funções como Presidente da Câmara Municipal de Castro Verde para passar a exercer funções como vogal executivo do PORA (Programa Operacional da Região Alentejo)  no âmbito do QREN (Quadro de Referência Estratégico Nacional) e cuja nomeação já foi publicada no Diário da República, tendo sido substituído nas funções autárquicas pelo arquitecto Francisco Duarte, número dois do executivo camarário e exercendo as funções de vice-Presidente da Câmara e que a partir de hoje assume a presidència da Câmara Municipal de Castro Verde. Na entrevista concedida à Rádio Castrense pelo ex-presidente Fernando Caeiros pareceu-me uma despedida definitiva. Será?! Ou será antes um "Adeus até ao meu regresso?!" De qualquer modo não digo  que a saída de Fernando Caeiros se tivesse processado  "sans honneur ni grandeur", mas que foi de uma forma algo ínsípida lá isso foi.

 

 

José Mestre



publicado por JoseGMestre às 18:27
Caro José Mestre

Já me tinha colocado essa dúvida.
Parece-me que FC sai, mas deixa a porta entreaberta para voltar.

Quanto à saída, também, penso que foi por demasiado discreta para quem esteve tanto tempo à frente dos destinos autáruqicos.

Mas não sabemos o que é que a gente porreirinha que ficou vai preparar, não é assim?
João Nuno Sequeira a 5 de Julho de 2008 às 15:22

Caro Dr, Joáo Sequeira

Tem toda a razão. mas o futuro "a Deus pertence" e é uma incógnita. mas este (quase) que se adivinha. Quanto à saída de Fernando Caeiros também acho que foi demasiado discreta, Eu atá diria estranhamente discreta.e rápida.Eu até acho que a nomeação devia ter efeitos futuros mesmo que a muito curto prazo e nunca com efeitos imediatos, Por exemplo a partir da próxima 2.ª feira.
JoseGMestre a 5 de Julho de 2008 às 18:05

mais sobre mim
Julho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO